sexta-feira, 16 de março de 2012

Mamíferos dulcícolas

Peixe-boi-da-amazônia















O peixe-boi-da-amazônia (Trichechus inunguis), também chamado de manati ou manatim, é um mamífero dulcícola da família dos triquecídeos que, como seu próprio nome indica, é encontrado em rios e lagos da bacia amazônica. Tais animais chegam a medir até 2,8 metros de comprimento, possuindo um corpo cinzento e uma grande mancha esbranquiçada no peito.

Peixe-boi-africano















O peixe-boi-africano (Trichechus senegalensis) é uma espécie de peixe-boi que vive no Atlântico, habitando as águas doces e costeiras do oeste da África.

Boto-cor-de-rosa














































O boto-vermelho ou boto-cor-de-rosa (Inia geoffrensis) é um golfinho fluvial presente nas bacias dos rios Amazonas e Orinoco, pertencente à família dos iniídeos, e ao gênero Inia. Partilha parte da área de ocorrência com o tucuxi (Sotalia fluvitialis), que não é um golfinho estritamente fluvial, entretanto pode ser diferenciado facilmente pelo tamanho e pela coloração característica.

Golfinho-lacustre-chinês


















O Baiji (Lipotes vexillifer), também conhecido como Golfinho-lacustre-chinês, Golfinho do Yang-Tsé ou Golfinho Branco é um golfinho de água doce, da ordem Cetacea, encontrado no rio Yang-Tsé na China. É uma das quatro espécies de golfinhos de água doce restantes no mundo (tal como o Boto, na Amazônia), todas elas em sério risco de extinção.

Lontra-européia













































A lontra-européia (Lutra lutra), também conhecida como lontra-euroasiática, lontra-comum ou lontra-do-Velho-Mundo, é uma espécie de lontra da família dos mustelídeos. Juntamente com outras duas espécies, a Lutra maculicollis e a Lutra sumatrana, formam o gênero Lutra. O seu habitat situa-se na Europa Ocidental, Ásia e no Noroeste Africano. Vivem em lagos, rios, riachos e lagoas, e raramente aparecem no litoral.

Lontra-de-pescoço-manchado































Hydrictis maculicollis é uma lontra africana de água-doce sub-saariana. Mede cerca de um metro de comprimento e pesa cerca de seis quilogramas. Como outras lontras é elegante e tem patas com membranas para nadar. Sua pele é marrom escuro e marcadas com pontos de luz em torno de sua garganta.

Smooth-coated Otter





























Lutrogale perspicillata é uma espécie de lontra, o único representante sobrevivente do gênero Lutrogale. A espécie é encontrada desde a Índia a leste do Sudeste Asiático, e há uma população disjunta no Iraque. A pele desta espécie é mais suave e mais curta que a de outras lontras.

Lontra-do-rio-norte-americana

























Lontra canadensis é um mamífero de água-doce da América do Norte, presente ao longo de seu interior e litoral. Uma lontra adulta pode pesar entre 5 e 14 kg. A lontra é protegida e isolada por uma pelagem espessa e repelente de água na pele.

Huillín






























Lontra provocax é uma espécie de lontra que vive no Chile e Argentina. Embora chamada de "lontra-do-rio", habita tanto ambientes marinhos quanto de água-doce.

Lobinho-do-rio











































Lontra longicaudis, é uma espécie de lontra aquática encontrada na América Central, América do Sul e na ilha de Trinidad.

Ariranha






























A ariranha, lontra-gigante, lobo-do-rio ou onça-d'água (Pteronura brasiliensis), é um mamífero mustelídeo aquático, característico do Pantanal e da bacia do Rio Amazonas.

Nerpa





















































A nerpa (Pusa sibirica), também chamado de foca-de-Baikal e foca-da-Sibéria, é uma espécie de foca muito rara, e também a única a habitar exclusivamente ambientes de água-doce.

Foca-anelada





























A foca-anelada (Pusa hispida ou Phoca hispida) é um membro da família das focas que habita as águas costeiras do Ártico, embora possua também algumas subespécies de água-doce.

Capivara













































Encontrada em certas áreas das Américas do Sul e Central, próximo a rios e lagos, a capivara (Hydrochoerus hydrochaeris) é o maior roedor herbívoro do mundo. Alimenta-se de capins e ervas, comuns em várzeas e alagados, e pode chegar a pesar até 80 kg.

Castor-americano















O castor americano (Castor canadensis) é uma das duas espécies de castor existentes.

Castor-europeu

















O castor europeu (Castor fiber) é o maior roedor da Eurásia.

Rato-almiscarado





































O rato-almiscarado é a única espécie do gênero Ondatra, é um roedor de água-doce de porte médio nativo da América do Norte.

Ratão-do-banhado




























O Ratão-do-banhado (Myocastor coypus) é um grande roedor da família dos miocastorídeos, encontrado na América do Sul meridional. Possui pelagem marrom-avermelhada, cauda longa e grossa, revestida por escamas e pêlos ralos, vivendo em banhados, lagoas e rios.

Rato-d´agua


























































Arvicola amphibius é uma espécie de rato-do-campo aquático.

Russian Desman
















Desmana moschata é uma espécie de mamífero aquático da família Talpidae. É a única espécie do gênero Desmana. Pode ser encontrada nas bacias do rios Don, Volga e Ural, na Rússia, Ucrânia e Cazaquistão.

Ornitorrinco















O Ornitorrinco ( Ornithorhynchus anatinus) é um mamífero de água-doce natural da Austrália e Tasmânia. É o único representante vivo da família Ornithorhynchidae, e a única espécie do gênero Ornithorhynchus. Juntamente com as équidnas, formam o grupo dos monotremados, os únicos mamíferos ovíparos existentes atualmente. A espécie é monotípica.

Hipopótamo-comum

























































































O hipopótamo-comum (Hippopotamus amphibius) é um mamífero africano que habita os rios e vales da África.

Hipopótamo-pigmeu


















































O hipopótamo-pigmeu (Choeropsis liberiensis) é uma espécie de mamífero da família Hippopotamidae, nativo das florestas e pântanos da África Ocidental. É uma das duas espécies viventes da família dos hipopótamos, e a única espécie atual do gênero Choeropsis.

Nenhum comentário: