quarta-feira, 14 de março de 2012

Animais pré-históricos

Cinognato





















O cinognato (Cynognathus crateronotus) foi um cinodonte com distribuição quase mundial que viveu durante o período Triássico. Tinha uma cauda larga, esqueleto leve e dentes caninos alongados e pontiagudos, característica típica dos animais carnívoros. Há evidências de que este animal tenha tido bigodes, o que o aproxima dos mamíferos. Ele tinha mandíbulas capazes de quebrar ossos.

Estauricossauro











O estauricossauro (Staurikosaurus pricei) foi uma espécie de dinossauro que viveu durante o período Cretáceo no Rio Grande do Sul, sendo um dos dinossauros mais antigos do mundo.

Xonissauro







































O xonissauro (Shonisaurus sp.) era um gênero de ictiossauro que viveu durante o período Triássico no Oeste dos EUA. O xonissauro se alimentava de peixes e moluscos nos oceanos triássicos.

Heterodontossauro














O heterodontossauro (Heterodontosaurus tucki) foi uma espécie de dinossauro herbívoro e semi-quadrúpede que viveu no fim do período Triássico da África. Media em torno de 1,2 metros de comprimento e pesava entre 2 a 35 quilogramas.

Dilofossauro
































O dilofossauro (Dilophosaurus wetherlli) foi uma espécie de dinossauro carnívoro e bípede que viveu durante o período Jurássico da América do Norte. Media em torno de 5 a 7 metros de comprimento, 3 metros de altura e pesava cerca de 500 quilogramas.

Elasmossauro











O elasmossauro (Elasmosaurus platyurus) foi um plesiossauro que viveu no fim do período Cretáceo no que corresponde à atual América do Norte. A partir da dentição deduz-se que o elasmossauro era carnívoro e que se alimentava de pequenos peixes, belemnites e amonites.

Estegossauro















O estegossauro (Stegosaurus armatus) foi uma espécie de dinossauro herbívoro e quadrúpede que viveu no fim do período Jurássico, principalmente na América do Norte. Também foi encontrado um exemplar fossilizado em Portugal em 2006. Media em torno de 9 metros de comprimento, 4 metros de altura e pesava em torno de 4 toneladas.

Apatossauro
















O apatossauro ou brontossauro (Apatosaurus sp.) foi um gênero de dinossauro herbívoro e quadrúpede que viveu durante o período Jurássico da América do Norte. Media até 25 metros de comprimento, 10 metros de altura e pesava em torno de 35 toneladas.

Arqueopteryx









































O arqueopteryx (Archaeopteryx lithographica) foi uma espécie de ave pré-histórica que viveu no período Jurássico no sul da Alemanha, sendo a espécie mais antiga de ave do mundo.

Alossauro

















O alossauro (Allosaurus sp.) foi um gênero de dinossauro carnívoro e bípede que viveu no fim do período Jurássico. Media em torno de 9 metros de comprimento, podendo alcançar os 14 metros de acordo com alguns vestígios fósseis, pouco mais de 5,6 metros de altura e pesava entre 1,5 e 3,8 toneladas.

Braquiossauro






























O braquiossauro (Brachiosaurus sp.) era um gênero de dinossauro saurópode que viveu durante o fim do período Jurássico. Ele Tinha mais de 15 metros de altura, 25 metros de comprimentoe chegava a pesar 115 toneladas.

Othnielia











O othnielia (Othnielia rex) foi uma espécie de dinossauro herbívoro e bípede que viveu no fim do período Jurássico da América do Norte. Media em torno de 1,4 metros de comprimento, 0,6 metros de altura e pesava cerca de 35 quilogramas.

Hipsilofodonte





















O hipsilofodonte (Hypsilophodon foxi) foi um dinossauro herbívoro e bípede que viveu do fim do período Jurássico até o início do Cretáceo. Media em torno de 2 metros de comprimento e pesava em torno de 50 quilogramas.

Compsognato



















O compsognato (Compsognathus longipes) foi uma espécie de dinossauro terópode que viveu no fim do Jurássico na Europa. O compsognato media cerca de 74 centímetros de comprimento e pesava em torno de 3 quilogramas, sendo até hoje um dos menores dinossauros já encontrados. Apesar de seu tamanho, era um carnívoro como os restantes terópodes e alimentava-se de insetos e outros pequenos animais.

Baryonyx


















O barionyx (Baryonyx sp.) foi um gênero dinossauro de grande porte que viveu no período Cretáceo. Sua alimentação básica era de peixes e pequenos animais.

Deinonychus








































O deinonychus (Deinonychus antirrhopus) foi uma espécie de dromeossauro bípede e carnívoro que viveu no início do período Cretáceo. Este dinossauro era um predador de cerca de 3 metros de comprimento que pesava cerca de 75 quilogramas.

Oviraptor



















































O oviraptor (Oviraptor philoceratops) foi uma espécie dinossauro carnívoro e bípede que viveu durante o período Cretáceo. Media em torno de 2 metros de comprimento, 1 metro de altura e pesava em torno de 35 quilogramas. 

Iguanodon













O iguanodon (Iguanodon sp.) foi um gênero de dinossauro herbívoro e bípede que viveu durante o período Cretácico. Media em torno de 9 metros de comprimento, pesava cerca de 4,5 toneladas e talvez podessem correr a 31km/h.

Tiranossauro rex














O tiranossauro rex (Tyrannosaurus rex) foi uma espécie de dinossauro carnívoro e bípede que viveu no fim do período Cretáceo, principalmente na região que é hoje a América do Norte.

Estiracossauro





















O estiracossauro (Styracosaurus albertensis) foi uma espécie de dinossauro herbívoro e quadrúpede que viveu durante o período Cretáceoda América do Norte. Media em torno de 6 metros de comprimento e pesava cerca de 4 toneladas.

Parassaurolofo











O parassaurolofo (Parasaurolophus walkeri) foi uma espécie de dinossauro herbívoro e semi-quadrúpede que viveu no fim do período Cretáceo da América do Norte. Media cerca de 10 metros de comprimento, 4,5 metros de altura e pesava em torno de 3,5 toneladas.

Ornithomimus





















O ornitomimus (Ornithomimus velox) foi uma espécie de dinossauro onívoro e bípede que viveu no fim do período Cretáceo. Media em torno de 3,5 metros de comprimento e pesava em torno de 90 quilogramas.

Paquicefalossauro

















O paquicefalossauro (Pachycephalosaurus wyomingensis) foi uma espécie de dinossauro herbívoro e bípede que viveu durante o período Cretáceo da América do Norte. Media em torno de 8 metros de comprimento e 3 metros de altura.

Triceratops













O triceratops (Triceratops horridus) foi um tipo de dinossauro herbívoro e quadrúpede que viveu no fim do período Cretáceo, principalmente na região que é hoje a América do Norte.

Espinossauro





















O espinossauro (Spinosaurus aegipticus) foi uma espécie de dinossauro carnívoro e bípede que viveu durante o período Cretáceo, principalmente na região que é hoje o norte da África.

Protoceratops














O protoceratops (Protoceratops andrewsi) foi uma espécie de dinossauro herbívoro e quadrúpede que viveu no fim do período Cretáceo. Media em torno de 2,5 metros de comprimento e pesava algo entre 200 quilos a 1,5 toneladas. Ao contrário dos outros ceratopsianos, seus chifres na cabeça não eram tão desenvolvidos.

Velociraptor

















O velociraptor (Velociraptor sp.) é um gênero de dinossauro terópode do período Cretáceo. Media 1,5 metros de comprimento e pesava aproximadamente 15 quilogramas. Foi um grande predador que provavelmente caçava em bando. Era leve, rápido, possuía uma ótima visão e um cérebro bastante desenvolvido, além de um poderoso maxilar.

Maiassaura











A maiassaura (Maiasaura peeblesorum) foi uma espécie de dinossauro herbívoro e semi-bípede que viveu no fim do período Cretáceo. Media cerca de 9 metros de comprimento, 4,6 metros de altura e pesava em torno de 4 toneladas.

Euoplocéfalo
















O euoplocéfalo (Euoplocephalus tutus) foi um anquilossauro herbívoro que viveu no final do período Cretáceo. Este dinossauro pesava cerca de 4 toneladas e media até 6 metros de comprimento.

Cearadáctilo















O cearadáctilo (Cearadactylus atrox) foi um pterossauro que habitou o atual Nordeste do Brasil, na Chapada do Araripe, no estado do Ceará, durante o período Cretáceo.

Um comentário: